13 marAmazon influencia comportamento de compra do brasileiro

Por Raisa Covre, do Portal NO Varejo

A marca de Jeff Bezos pode não ter um grande portfólio no mercado nacional, mas já influencia o comportamento de compra dos clientes por aqui. Entenda

O varejo mundial passou por muitas transformações nos últimos anos – impulsionadas, principalmente, pelo desenvolvimento tecnológico. O mundo digital trouxe um grande player do setor: a Amazon. “Antigamente, falava-se do efeito Walmart no varejo. Hoje, falamos do efeito Amazon”, lembra Ricardo Neves, sócio da PwC e especialista em consumo e hoje. Isso porque a empresa norte-americana, atualmente, já tem uma participação de mercado fora dos Estados Unidos que está acima do registrado pela tradicional rede.

Observando o fenômeno protagonizado pela empresa de Jeff Bezos, a PwC procurou entender se a influência da organização já chegou ao Brasil. Em sua pesquisa Total Retail, a consultoria registra que 47% dos brasileiros já fez compras no e-commerce do marca. Apesar do resultado estar abaixo da média global (56%), é importante lembrar que a atuação da varejista digital no País ainda traz um portfólio de produtos bastante restrito em comparação ao oferecido nos Estados Unidos, por exemplo.

Ao mesmo tempo, a presença da Amazon já consegue influenciar o comportamento de compra dos consumidores nacionais. O e-commerce tornou-se uma ferramenta de busca de preços para 54% dos respondentes brasileiros da pesquisa (acima da média global, de 47%). Fora isso, uma parcela considerável de brasileiros começa suas buscas de produtos pelo e-commerce da marca e passou a comprar com menos frequência em lojas físicas em decorrência do seu contato com o e-commerce. Confira o gráfico:

Texto extraído de: http://www.portalnovarejo.com.br/2017/03/10/efeito-amazon-consumidores-brasileiros