14 junDomino’s Pizza lança nova unidade em contêiner

Via Sua Franquia

dominos conteiner

Uma novidade pode substituir as lojas de alvenaria e baratear a manutenção de uma franquia de rua da rede Domino’s Pizza no varejo nacional. É a loja-contêiner. A unidade tem as mesmas instalações de uma franquia convencional, só que dentro de uma grande caixa metálica.

Neste caso, o investimento inicial para abertura de uma franquia continua sendo de R$ 700 mil a R$ 800 mil. A economia vem, no entanto, da manutenção do aluguel do estabelecimento. Em vez do pagamento do aluguel por uma loja de alvenaria, o contêiner próprio representa economia de R$ 3 mil mensais, já que alugar um terreno vazio é bem mais barato do que alugar um terreno edificado.

Ao longo de 60 meses (cinco anos), a economia do franqueado pode chegar a R$ 180 mil, quase 25% do investimento inicial. Além do impacto positivo na estrutura de custos que esse formato proporciona, o formato de lojas em containers ajuda a atrair o público nos bairros onde estão instalados pela novidade, e impacto visual que difere dos concorrentes tradicionais.

A Domino’s conta hoje com três franquias modelo contêiner, localizadas em São Paulo (São Carlos, Americana e Piracicaba). Uma quarta deverá ser aberta ainda neste primeiro semestre, em João Pessoa (Paraíba).

Maior rede de entregas de pizzas do mundo, com 12 mil lojas em 83 países, a Domino’s Pizza – controlada no Brasil pelo Grupo Trigo – comemora números recordes de crescimento em vendas, faturamento e número de lojas.  Hoje são 150 lojas abertas pelo país.

No primeiro trimestre de 2016, a Domino’s Pizza registrou crescimento bem acima do food service nacional e da concorrência: 15% em vendas, considerando a mesma base de lojas, em relação ao primeiro trimestre de 2015. A rede acaba de receber o selo de Excelência da ABF Franchising.

Só nos últimos três anos, a rede vem crescendo acima de 10% ao ano em suas vendas (considerando a mesma base de lojas). Em 2015 o faturamento registrado foi 12% maior do que no ano anterior. A região de melhor performance foi a sudeste, sobretudo o estado de São Paulo, com 30% de crescimento.

“Estamos lucrando na crise porque temos uma marca internacional sólida, porque com a redução de gastos muitas famílias optam pelo delivery  e porque oferecemos uma proposta de valor bem percebida por todas as classes sociais”, avalia Edwin Jr., gestor da Domino’s Pizza Brasil. Segundo ele, o modelo de loja de rua com salão ganhou força nesse cenário e a Domino’s virou opção de fast casual para refeições em família, grupos de amigos, além do tradicional delivery que é o DNA da marca.

Texto extraído de: http://www.suafranquia.com/noticias/alimentacao/2016/06/dominors-pizza-lanca-novo-modelo-em-conteiner.html