12 maioMercado eleva previsão de inflação deste ano e reduz a de 2016

Escrito pela Redação da Folha de São Paulo

A taxa de inflação deve fechar 2016 em 5,51% de acordo com o centro das expectativas (mediana) de economistas ouvidos pelo Banco Central. Há uma semana a previsão era de que a taxa fechasse o ano em 5,60%.

Os números fazem parte do Boletim Focus, pesquisa feita entre economistas e divulgada semanalmente pelo BC. Se confirmada a expectativa, a inflação deverá ficar abaixo do texto da meta do governo, de 6,5%, mas acima do centro da meta, de 4,5%.

Dashboard 1

Para 2015, a expectativa é que o IPCA fique em torno de 8,29%, sendo que há uma semana esperava-se um IPCA em 8,26%.

A previsão sobre a taxa Selic – o principal instrumento do governo para controlar a inflação – para 2016 também foi reajustada, de 11,5% ao ano há uma semana para 11,63%.

A expectativa para 2015, de que a Selic chegue a 13,50%, foi mantida. Atualmente, a taxa encontra-se em 13,25% ao ano.

A previsão é de que o PIB em 2015 tenha queda de 1,20% – há uma semana esperava-se queda de 1,18%. Para 2016 foi mantida expectativa de alta de 1% do PIB.

A taxa de câmbio deve ficar em R$3,20 em 2015, a mesma expectativa da semana passada. Para 2016, espera-se um câmbio de R$3,30, também a mesma expectativa de uma semana atrás.

Texto extraído de: http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2015/05/1627384-mercado-diminui-expectativa-de-inflacao-em-2016-para-551-ao-ano.shtml

Post marcado com , , ,