04 junNetshoes vende fatia do negócio à empresa de Cingapura

Escrito por Marcela Ayres, da Exame.com

Centro de distribuição da Netshoes em São Paulo

Depois de investir 135 milhões de reais na Netshoes, a Temasek, holding de investimento do governo de Cingapura, tornou-se sócia do site brasileiro de venda de artigos esportivos. O negócio foi confirmado pela assessoria de imprensa da Netshoes.

Embora a participação adquirida no portal de e-commerce não tenha sido revelada, sabe-se que a fatia da Temasek foi comprada de cada um dos sócios da empresa, incluindo o fundo americano Tiger Global, que também investe no Mercado Livre e LinkedIn, e o CEO da companhia, Marcio Kumruiam.

Fundada em 2000, a companhia estima vendas na casa de 1 bilhão de reais para o fim deste ano.

Setor em foco

A venda de sapatos online também teria despertado o interesse do homem mais rico do país. Segundo o colunista Lauro Jardim, da revista Veja, a Dafiti estaria na mira de Eike Batista. De olho no potencial de expansão da companhia, o empresário estaria trabalhando para adicioná-la ao seu já diversificado portfólio. A empresa, que vende sapatos e acessórios, fechou 2011 com um faturamento de 400 milhões de reais.

Texto extraído de http://exame.abril.com.br/negocios/empresas/aquisicoes-fusoes/noticias/netshoes-vende-fatia-do-negocio-a-empresa-de-cingapura