03 julNovas câmeras de monitoramento auxiliam na gestão das redes de lojas

Até então restritos ao uso para monitoramento de imagens, os CFTVs ganharam novos ares e funções. Atualmente a tecnologia de vídeo analítico tem a capacidade de computar pessoas na entrada de diferentes lugares, seja de maneira individual ou grupal, além de criar “portas virtuais” em espaços delimitados para pessoas e objetos que puderem ou não ultrapassar determinadas áreas, configurando uma nova categoria de serviços de monitoramento eletrônico.

Sistema de vídeo analítico, que pode ser contratado por assinatura mensal sem a necessidade de compra de equipamento, promete unir duas necessidades dos empresários, Segurança X Informações de fluxo, por um custo único.

Inserido nesse contexto está o serviço inovador Teleview, tecnologia inédita importada dos EUA que grava e transmite imagens em nuvem, em tempo real e 24h por dia, com tecnologia IP. “Além da segurança das imagens, essa inovação permite armazenar os dados por até 30 dias e acesso remoto, via computador, tablet ou smartphone, de qualquer lugar do mundo. Ainda possui uma inteligência de edição que resume um dia inteiro de gravação, considerando apenas os momentos de maior movimento e/ou de qualquer ocorrência, ou seja, além da segurança, uma ferramenta estratégica perfeita para auxiliar pequenas e médias empresas na tomada de decisões baseadas no fluxo de movimentação”, explica Ricardo Coutinho, diretor de vendas.

Coutinho conta que inicialmente os clientes adquiriam o serviço de monitoramento de imagens para aumentar a segurança do local, porém percebiam que o sistema também poderia ser usado como ferramenta de gestão. Hoje o que se vê são grandes redes adquirindo o serviço para aprimorar o gerenciamento do negócio e a segurança vem como “parte do pacote”. “Desde o início do ano já registramos um aumento de 50% nas vendas destinadas ao setor supermercadista e percebemos uma curva crescente na procura desse público que entendeu a versatilidade e economia de se unificar as ferramentas”.

As câmeras IP utilizadas no serviço filmam e gravam as imagens em nuvem e o tipo de uso é determinado pelo próprio cliente, podendo utilizar as imagens para detectar um intruso, ou em casos de disparo de alarme verificar em tempo real o que está acontecendo. A solução também pode ser utilizada para identificar se o padrão de atendimento de diferentes lojas da mesma rede está adequado, se o ambiente de trabalho é padronizado, para verificar os horários de entrada e saída dos funcionários, os momentos de maior movimento, etc. “As formas de uso deste serviço são variadas, e é por isso que a solução atende tanto um pequeno mercado de bairro, quanto grandes redes de supermercados, com atendimento em diferentes estados”, complementa Coutinho.

O serviço pode ser contratado pelo moderno padrão VaaS (Vídeo as a Service) no qual são pagas apenas mensalidades, sem a necessidade da compra dos equipamentos, e já com a manutenção incluída. Diferente dos sistemas convencionais que utilizam equipamento DVR (gravador digital de imagem), o TeleView armazena as imagens externamente, em um dos maiores datacenters da América Latina, garantindo a segurança e a integridade das informações. A vantagem do armazenamento em cloud.

Sobre a Teleatlantic – Empresa de capital privado, é uma das gigantes do mercado de segurança eletrônica no Brasil e cresce a taxas acima da média do mercado nos últimos 10 anos. A Teleatlantic integra o Grupo Internacional Bracol, com mais de 30 anos nos segmentos de segurança, proteção e comunicação e atuação em Israel, México Colômbia e Brasil.

Fonte: Assessoria de Imprensa ABESE (Associação Brasileira das Empresas de Sistemas Eletrônicos de Segurança)