10 setOs melhores projetos de design do varejo brasileiro

Escrito por Ticiana Werneck, do Portal No Varejo

Na categoria Máster – redes franqueadoras com 60 ou mais franqueados e com no mínimo dez anos de atividade-, o primeiro lugar foi para a marca Bob’s

Reconhecer os projetos de design que contribuem para elevar a experiência de compra dos consumidores, a conquista de mercado e a melhoria de desempenho da rede, além de estimular o uso do design como ferramenta estratégica de negócio. Esse é o objetivo do 3º Prêmio de Design, realizado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) em parceria com o Retail Design Institute (RDI).

Para o vice-presidente do RDI, reconhecido arquiteto, Manoel Alves Lima, a iniciativa é um incentivo para a difusão do uso do design no varejo nacional. “O prêmio celebra os projetos destacados por diversos fatores da relação entre o franqueado e o consumidor, pela exposição adequada dos produtos e pela conscientização sustentável do projeto”, ressaltou.

Dezesseis empresas concorreram à premiação. A categoria loja, que visa reconhecer o projeto que melhor utilizou o design como ferramenta estratégica, foi dividida em: Pleno (que engloba as redes com 10 ou mais franqueados, e com no mínimo três anos de atuação), a vencedora foi a rede Timberland. O segundo lugar ficou com a rede Start Point.

Na categoria Sênior (redes com 30 ou mais franqueados e com no mínimo cinco anos de atividade) foram premiadas as redes Scala, em primeiro lugar, e a marca Morana, em segundo lugar. Já na categoria Máster (redes franqueadoras com 60 ou mais franqueados e com no mínimo dez anos de atividade), o primeiro lugar foi para a marca Bob’s e o segundo lugar ficou com a rede Água Doce Sabores do Brasil.

A premiação mais esperada da noite, Design do Ano, foi entregue à rede Bob’s. A franqueadora utilizou o design para transformar seu ponto de venda em um ambiente aberto, arejado, transparente e integrado com as características locais.

A rede Chilli Beans foi reconhecida com uma Menção Honrosa Pop Store, por ter apresentado durante o Rock in Rio 2011 uma loja atenta aos princípios da sustentabilidade. Ao final do evento, a estrutura foi desmontada em pequenas partes para que o público pudesse levar para casa, de recordação.

O prêmio da modalidade Quiosque foi entregue à rede Nutty Bavarian, pelo projeto que visou atualizar o layout do espaço para algo mais moderno e sofisticado. Na categoria Design Sustentável, o Bob’s foi o vencedor por ter aplicado conceitos de sustentabilidade ao projeto, como: redução no consumo de energia, atendimento da legislação quanto à mobilidade, e ainda permeabilidade e utilização da água. O prêmio Inovação do Ano ficou para a rede Jelly.

Texto extraído de http://www.portalnovarejo.com.br/destaque/destaques/copy-of-os-melhores-projetos-de-design-do-varejo-brasileiro