16 dezRede de perfumaria, Di Vetro, planeja inaugurar 20 novas lojas em 2015

Escrito pela Redação da Info Money

di vetro

A Di Vetro, rede especializada em perfumaria importada, está no mercado há 20 anos. Nasceu em Curitiba e conquistou a cidade, um mercado exigente e ávido pelo que há de melhor. Em 2013, aderiu ao sistema de franchising na certeza de que tem a oferecer uma opção de negócio rentável, que cabe em todo o país – afinal, o brasileiro é apaixonado por perfumes. Neste ano, a franquia já comemora importantes conquistas: a presença em cinco estados e um aumento de 14% no faturamento em relação ao ano anterior – número superior a R$ 10 milhões.

Só em 2014, foram oito novas franquias abertas: três em Curitiba (PR), uma em Campo Grande (MS), três em Rio Verde (GO) e uma em Ponta Grossa (PR). Também está em fase final de implantação uma loja em Campo Grande (MS). Além disso, a rede celebrou a abertura de sua quinta unidade própria, na capital paranaense. “É importante manter lojas próprias para fazer testes, pesquisas e continuar próximo da operação, para entender melhor as necessidades dos franqueados”, acredita Celi Silva, franqueadora da Di Vetro.

Para Celi, a recente Associação à ABF também foi uma conquista significativa. “É uma ação que credencia ainda mais a Di Vetro aos olhos dos investidores”.

Porém, o que o todo franqueado quer é ter um negócio rentável. E a Di Vetro sabe disto. A franqueadora é enfática: “É preciso ter diferenciais competitivos para manter-se no mercado com boa lucratividade. Fazer parte da ABF dá visibilidade à Di Vetro, assim como nossa experiência. Porém, costumo me dedicar pessoalmente às negociações com as importadoras e demais fornecedores para garantir o melhor preço para os produtos que oferecemos”.

A Di Vetro investiu fortemente em treinamento durante 2014 e também ampliou o leque de produtos. “Com produtos diferentes, de valores variados, atraímos um novo público, apostando em nichos de mercado como crianças, adolescentes e jovens. Passamos a atender uma faixa etária mais ampla”, detalha Celi.

A criação de ferramentas de comunicação com o público interno, como o informativo eletrônico semanal, também ajudou a reforçar as vendas, pois, por meio dele, as equipes se mantêm atualizadas, além de receberem informações técnicas sobre produtos e dicas sobre montagem de vitrines, estratégias promocionais e outros temas. O conhecimento técnico é o grande trunfo para o sucesso da rede, que realiza treinamentos periódicos, mensais ou quinzenais, com as vendedoras.

2015: Tendo como base o trabalho executado em 2014, a meta para 2015 é ousada: abrir 20 novas lojas, especialmente no Norte e Nordeste. “São regiões carentes de lojas como as nossas. Estamos trabalhando bastante neste sentido. Se der certo, poderemos aumentar nosso faturamento em até 35%”, adianta. “Tivemos uma grande procura de interessados no último trimestre, mas as eleições paralisaram as negociações. Os empresários estão aguardando a estratégia do país para o próximo período”.

Na opinião da franqueadora, mesmo com a tendência de aumento do dólar – que influencia diretamente o preço dos importados – 2015 será um ano de melhores resultados. “Temos uma política de vendas que facilita o pagamento em parcelas.    Também não haverá eventos, no país, como a Copa do Mundo, que acabou por diminuir o número de dias trabalhados e de lojas abertas para oferecer os produtos aos clientes.”

Para o ano que vem, a Di Vetro iniciará o projeto para a conquista do Selo de Excelência em Franchising – concedido pela ABF a quem pratica o franchising de forma ética e seguindo a lei que regulamenta o sistema – e planeja participar da ABF Franchising Expo em São Paulo, a maior feira de franquias do mundo.

Texto extraído de: http://www.suafranquia.com/noticias/beleza-e-saude/2014/12/di-vetro-planeja-abrir-20-novas-lojas-em-2015-.html