13 novRio de Janeiro ainda permanece no foco de expansão das franquias

Por Ana Carolina Diniz, d’O Globo

A indústria de calçados Usaflex, especializada em sapatos confortáveis, está investindo forte no setor de franquias. No momento, a empresa tem 93 lojas espalhadas pelo Brasil e o diretor de operações Marcelo Cavalheiro acredita que pode chegar a 200 em 2018. No Rio, o foco são cidades do interior, com 80 mil a 100 mil habitantes. As 12 lojas do Rio estão espalhadas na capital, Nova Friburgo, Nova Iguaçu e Niterói, e quatro serão abertas até o final do ano (Rio Sul, Shopping da Gávea, a segunda no Centro e em Caxias). A indústria focou seu investimento em marketing para tentar atingir o público jovem, aumentou número das coleções (de nove para 16) e lançou a linha masculina. O investimento para abrir uma loja é de R$ 350 mil (sem contar com o ponto comercial).

Já o foco de expansão da rede de lavanderias 5àsec para o ano que vem é o interior do Rio. Com 13 lojas no estado, a empresa espera crescer 77% em número de lojas em 2018. A mudança veio porque o plano de expansão do estado era administrado por um máster franqueado. Agora, ele ficará apenas com a capital, enquanto a franqueadora desenvolverá o resto do estado.

– Nosso radar está em cidades como Nova Iguaçu, Niterói, Campos dos Goytacazes, Petrópolis, Volta Redonda, Macaé, Cabo Frio, Nova Friburgo e Resende – ressalta o CEO, Fabio Roth. A empresa lançou três tipos de lojas, com investimento que vão de R$ 166 mil a R$ 380 mil.

(Ricardo José Alves, CEO da Halipar | Foto: Divulgação)

O grupo Halipar — dono das redes Croasonho, Montana Grill, Griletto e Jin Jin — contratou uma consultoria para ajudar no seu plano de expansão no Rio. A holding tem 18 lojas no Estado.

– A Jin Jin (culinária asiática) não está no Rio. Não sabemos se é preconceito ou algum bairrismo. Contatamos bons parceiros na feira da ABF em setembro e esperamos estar com um formato encaminhado já no início do ano – explica Ricardo José Alves, CEO da holding Halipar.

Na rede de depilação Depyl Action, o Rio não está nos planos. A franquia mira estados como São Paulo, Rio Grande do Sul, Paraná e Mato Grosso. Com 105 lojas no Brasil, o plano é abrir mais 15 em 2018. De acordo com a sócia-diretora Danyelle Van Straten, as 15 lojas fluminenses, sendo três próprias, têm bons resultados, mas o Rio não está “na onda do momento” em relação a expansão.

– Mesmo com a crise, a procura pelo serviço é grande. O cliente do Rio tem novas demandas e é um criador de tendências para o país – afirma.

Texto extraído de: https://oglobo.globo.com/economia/emprego/o-rio-esta-no-foco-das-expansao-das-franquias-22060724#ixzz4yKGNx0Kk