03 setVarejistas introduzem navegação indoor em aplicativos

Recentemente o Walmart adicionou um recurso em seu aplicativo móvel que exibe o número do corredor do supermercado. Ainda este ano, a empresa planeja ampliar a experiência de adicionar mapas dos pisos.

Grandes varejistas estão desenvolvendo ferramentas de navegação indoor para auxiliar os clientes em suas buscas. Alguns, incluindo Target e Walgreens, têm armazenado imagens dos pisos e corredores nos aplicativos para smartphones. Os aplicativos do Walmart e Home Depot podem exibir o número dos corredores para os itens pesquisados.

Em uma loja, “Eu posso falar com um associado, mas eu não posso procurar uma fita dupla-face”, diz Gibu Thomas, chefe do Walmart móvel e digital. “O mobile traz a loja online para a loja física.”

Depois de duas semanas do lançamento do aplicativo “In-Store”, do Walmart, cerca de 15% de visualizações eram de clientes que estavam nas lojas.

Os varejistas hesitam, por razões competitivas, em liberar dados detalhados dos produtos. Mas, com aplicativos móveis se tornando um canal de vendas-chaves, eles começaram a adicionar cupons, preços, horários de funcionamento da loja e scanner para código de barras.

Agora eles estão apostando nos localizadores de itens, que irão auxiliar os clientes a realizarem suas compras de forma mais eficiente e, como resultado, comprarem cada vez mais. Cerca de 20% das vendas são perdidas porque os compradores não conseguem encontrar o que procuram, estima Nathan Pettyjohn, CEO da Aisle411 – um aplicativo com 9.000 mapas de lojas. Um localizador também pode atrair clientes que precisam de apenas um item ou dois, além de evitar a perda de tempo.

Estimulando os clientes a compartilharem os itens comprados, também dá aos varejistas estimativas de dados de merchandising, controle de estoque e promoções personalizadas.

Alguns recursos em andamento:

• Walgreens: em parceria com a Aisle411, é feita a listagem do layout das lojas no aplicativo. Os clientes podem fazer listas de compras e os itens são visualizados no mapa de sua loja. No próximo mês, a Walgreens irá incorporar o recurso em seu próprio aplicativo, diz Abhi Dhar, diretor de tecnologia.

• Walmart: em maio, o aplicativo do Walmart começou a mostrar o número de corredores para a maioria dos itens. E este ano, ele  está expandindo o teste realizado na última Black Friday, com mapas de localização dos itens mais populares nas lojas, para adicionar o aplicativo de mapas digitais na próxima Black Friday.

• Home Depot: com cerca de 40 mil itens em suas lojas, receber reclamações sobre a dificuldade de encontrá-los é algo frequente, diz Matt Jones. No ano passado, acrescentou a seus aplicativos o mapa  e número dos corredores dos itens pesquisados. Com o aplicativo, espera-se encontrar itens mais específicos. Mas, com tantos itens, precisão e consistência de loja para loja será o grande desafio, diz ele.

• Startups: várias startups estão em busca da tecnologia do localizador de itens, para utilizar de forma independente ou licenciada por varejistas. O localizador da Aisle coleta a localização dos corredores acionando as lojas individualmente (há cerca de 5.300 lojas em seu aplicativo). Meijer, uma rede de varejo do Centro-Oeste, utiliza a tecnologia Point Inside, que mostra a localização dos itens em um mapa.

Artigo original disponível em: http://www.usatoday.com/money/industries/retail/story/2012-08-27/big-retailer-mobile-apps/57381210/1